“Vai passar”

Quem é mãe com certeza já conheceu o mantra dos mantras, o famoso “vai passar”. A gente entra em contato com ele muito cedo, quando ainda grávida reclamamos dos enjoos, das dores na coluna, da dificuldade na movimentação. No parto, a dolorida contração: “vai passar”. Então a criança nasce e você está ali, com aquele Read more about “Vai passar”[…]

Brinquedos infantis, distinção de gênero e a nossa responsabilidade

Esse ano a escola do Pedro fez uma ação de Natal em conjunto com uma instituição que ajuda crianças para arrecadar roupas e brinquedos, as tais sacolinhas de Natal. Aqui em casa pegamos duas, para um menino e para uma menina, ambos com 5 anos. Cada sacolinha deveria ter roupas, sapato e um brinquedo. Como Read more about Brinquedos infantis, distinção de gênero e a nossa responsabilidade[…]

Sobre o ativismo intolerante

Vivemos num país pseudo democrático. Pseudo porque, apesar de acreditarmos que possuímos o livre direito de expressão, esse direito só não é contestado quando falamos ou fazemos aquilo que os outros esperam, aquilo que acreditam ser o certo. Quando “transgredimos” o senso comum ou divergimos da opinião alheia, essa democracia deixa de existir e dá Read more about Sobre o ativismo intolerante[…]

Dia das mães: troco meu presente por respeito

Troco meu conjunto de panos de prato pelo respeito à minha escolha de querer ou não ser mãe. O corpo é meu, portanto, o direito de escolha sobre o que fazer com ele deveria ser meu também.   Troco meu jogo de panelas pelo respeito que os médicos deveriam ter comigo ao me informar, de Read more about Dia das mães: troco meu presente por respeito[…]

Dica de passeio: Aquário de São Paulo

Nesse feriado, aproveitamos o descanso e levamos as crianças para conhecer o Aquário de São Paulo. Localizado no bairro do Ipiranga, o parque tem fácil acesso pra quem sobe a serra de carro ou de ônibus, pois fica próximo à estação de metrô Santos-Imigrantes. O Aquário tem estacionamento próprio, que custa R$30, mas no entorno Read more about Dica de passeio: Aquário de São Paulo[…]

Compre de uma mãe: Ovos de Páscoa

Já faz algum tempo que tenho visto esse movimento na Internet. Talvez a primeira vez tenha sido nas páginas que falam sobre consumismo, numa tentativa de fazer com que valorizássemos o profissional local, pequeno, em vez das grandes corporações. Mas depois vi o movimento se expandir, principalmente nas páginas de maternidade e nas páginas feministas: Read more about Compre de uma mãe: Ovos de Páscoa[…]

O quarto do Pedroca: dicas pra mudar a decoração sem gastar muito

Desde novo, uma das coisas que o Pedro mais gosta de brincar é com carrinhos. Ele tem vários, e como brinca com todos, escolhi esse assunto como tema do seu aniversário de 02 anos.  Nós fizemos uma festa simples, em casa mesmo, e pra evitar muitos gastos, eu mesma montei a identidade visual e a Read more about O quarto do Pedroca: dicas pra mudar a decoração sem gastar muito[…]

PFF Recomenda: Castelo de Bolinhas – Litoral Plaza Shopping

Ontem, a convite do Litoral Plaza Shopping, fomos com outras blogueiras do #ClubeMãesdaBaixada conhecer o Castelo de Bolinhas. Montado na Praça de eventos do Litoral Plaza Shopping, o castelo de 6,5m de altura formado por torres, escorregadores, tobogãs e piscina recheada com mais de 300 mil bolinhas coloridas em um espaço de 120 m², é Read more about PFF Recomenda: Castelo de Bolinhas – Litoral Plaza Shopping[…]

O pai te ajuda? Pois NÃO deveria!: o machismo diário na ajuda paterna

Tem algum tempo que isso me incomoda. Mesmo antes de eu ser mãe, a pergunta “seu marido te ajuda?” já me causava calafrios. Já me disseram que é preciosismo meu, que fico me apegando as coisas pequenas como uma pequena palavra. A-JU-DA. Recorri ao dicionário para me explicar melhor. Lá, a palavra AJUDA está assim Read more about O pai te ajuda? Pois NÃO deveria!: o machismo diário na ajuda paterna[…]

O primeiro palavrão a gente nunca esquece

Sou uma pessoa “boca suja”. Sempre fui, desde nova. Usar palavrão aqui em casa é algo bastante comum, confesso. Seja pra expressar indignação, emoção ou mesmo pontuar frase. Desde que o Pedro começou a repetir as coisas que dizemos, tenho tentado maneirar nos termos feios. Quem fala bastante palavrão sabe o quanto isso é difícil, Read more about O primeiro palavrão a gente nunca esquece[…]

Natal, consumo e a falsa ideia de felicidade

A casa dorme. São três horas da tarde e entramos naquele estágio da soneca vespertina. O silêncio temporariamente impera. Para alguém que não tem filhos, momentos de silêncio podem nem ser valorizados, mas depois que as crias nascem, essas horas são verdadeiros bálsamos. Por incrível que pareça – e isso é realmente incrível! –, encontro Read more about Natal, consumo e a falsa ideia de felicidade[…]

O Orquidário e o menino

Na imensidão verde, a menina se perdia entre plantas e bichos. Olhava encantada as plumas coloridas do pavão e o pelo dourado da cotia. Observava as diferentes tonalidades de flores e pássaros e o trabalho incansável das pequenas formigas que ali viviam. Aquele espaço, diferente da cidade, da escola, de sua casa, era um mundo Read more about O Orquidário e o menino[…]